PF prende Domingos e Chiquinho Brazão, suspeitos de mandar assassinar Marielle

O deputado Chiquinho Brazão em sessão na Câmara dos Deputados (à esq) e, seu irmão, Domingos Brazão, na Alerj – Divulgação/Câmara dos Deputados e Alerj   Além do conselheiro do TCE e do deputado federal, foi preso o delegado Rivaldo Barbosa, ex-chefe da Polícia Civil do Rio SÃO PAULO e BRASÍLIA A Polícia Federal prendeu neste domingo (24) três suspeitos de mandar assassinar a vereadora Marielle Franco (PSOL) e o motorista Anderson Gomes, além da tentativa de matar a assessora Fernanda Chaves, em março de 2018. Os três presos são o deputado federal Chiquinho Brazão (União…

LEIA MAIS

Polícia prende um dos principais acusados de executar jovem na zona Norte de Teresina

Homem conhecido como “Manga Rosa” foi preso na cidade de Anísio de Abreu A Polícia Civil do Piauí, por meio do Departamento de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO), prendeu, na tarde dessa terça-feira (4), um homem identificado como Filipi Wanderson de Oliveira da Silva, vulgo “Manga Rosa”, acusado de executar um adolescente de 14 anos em Teresina no último dia 21 de junho. A prisão ocorreu na cidade de Anísio de Abreu, localizada a 560km de Teresina, e contou com o apoio da 8ª Delegacia Regional de São Raimundo…

LEIA MAIS

Ex-ministro Milton Ribeiro é preso em operação da PF

Mandado de prisão preventiva foi expedido na operação “Acesso Pago”, que investiga a prática de tráfico de influência e corrupção para a liberação de recursos públicos do FNDE O ex-ministro da Educação Milton Ribeiro foi preso preventivamente, nesta quarta-feira (22), em Santos. O mandado foi expedido no âmbito de uma operação da Polícia Federal (PF) deflagrada nesta quarta. De acordo com a PF, a operação “Acesso Pago” tem o objetivo de investigar a prática de tráfico de influência e corrupção para a liberação de recursos públicos do Fundo Nacional de…

LEIA MAIS

Ricardo Salles pediu demissão após saber que seria preso

Alvo de inquérito que investiga um esquema ilegal de retirada e venda de madeira, Ricardo Salles decidiu deixar o Ministério do Meio Ambiente quando soube, na terça-feira passada, que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes pediria sua prisão. Ao tomar conhecimento da informação por meio de um colega, Salles viu que sua permanência no governo era insustentável. Na conversa com o presidente Jair Bolsonaro, na quarta-feira, um dia depois de ser informado sobre o risco de prisão, o ainda ministro agradeceu a confiança, mas disse que…

LEIA MAIS