Abertura da Parada LGBT+ tem vaias a Bolsonaro; Zé Gotinha sobe no trio elétrico

Ministro dos Direitos Humanos do governo Lula disse que público deve sentir orgulho de lutar pelo direito de existir e amar SÃO PAULO A abertura da Parada do Orgulho LGBT+, na avenida Paulista, em São Paulo, começou com discursos políticos celebrando a luta por direitos de minorias e o fim do governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Representantes de diferentes pastas do governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT), da Justiça, Direitos Humanos e Saúde, incluindo o mascote da vacinação, Zé Gotinha, subiram ao trio elétrico de abertura da parada. A principal…

LEIA MAIS