Sasc reafirma compromisso contra o racismo no Dia Internacional contra a Discriminação Racial

Data é celebrada dia 21 de março em memória ao Massacre de Sharpeville, que ocorreu na África do Sul em 1966.

 

Hoje, dia 21 de março, é celebrado o Dia Internacional contra a Discriminação Racial, e a Secretaria da Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos desempenha um papel crucial no fortalecimento das iniciativas para combater o racismo, por meio de programas e políticas voltados para a promoção da igualdade racial. A data é em memória das 69 vítimas do Massacre de Sharpeville, na África do Sul, em 1966, que lutavam contra o Apartheid.

Uma das ações realizadas pela Sasc é o Projeto de Enfrentamento ao Racismo Institucional, Estrutural e Religioso, que tem o objetivo de combater o racismo e conscientizar as pessoas que ele é crime, adoece e deixa sequelas na vida de quem sofre com atitudes racistas. “ O 21 de março é um dia para reflexão para a gente se atentar para as várias situações de racismo que se manifestam no dia a dia. É o dia em que nós, povo preto, buscamos mostrar para sociedade que o racismo adoece e deixa sequelas na vida de uma pessoa que sofre racismo,” comenta a superintendente da Igualdade Racial e Povos Originários da Sasc, Assunção Aguiar.

A superintendente também chama atenção para o racismo recreativo, que é algo muito forte, quando se faz brincadeiras e piadas sobre a etnia da pessoa, o cabelo, o peso, etc. “ O racismo recreativo tem também trazido muita consequência para a vida das pessoas e precisa ser combatido”, finaliza Assunção Aguiar.

Fonte: pi.gov.br

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário