Santos goleia Vasco com 2 de Marcos Leonardo e deixa a zona de rebaixamento do Brasileirão

Debaixo de chuva, o Santos venceu o Vasco nesse domingo, por 4 a 1, na Vila Belmiro, e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Marcos Leonardo, por duas vezes, Tomás Rincón e Soteldo fizeram os gols do time santista, enquanto Vegetti fez o gol de honra cruzmaltino. A partida foi marcada por uma confusão no segundo tempo, com jogadores expulsos em ambas as equipes. Com este resultado o Santos chega aos 27 pontos, ultrapassando o Vasco, com 26, e pulando momentaneamente para a 15ª posição.  Mesmo jogando fora de casa, o Vasco foi quem começou melhor a partida, pressionando o Santos no campo de ataque e controlando as ações da partida. A equipe santista encontrou dificuldades para ir ao ataque, mas na primeira bola enfiada para Marcos Leonardo, o atacante foi derrubado na área por Puma Rodríguez. O árbitro Anderson Daronco marcou a penalidade com o auxílio do VAR e o camisa 9 bateu com força no canto para abrir o placar, aos 14 minutos do primeiro tempo. O gol animou a torcida do Santos, mas o Vasco era quem continuava melhor na partida, levando perigo à meta de João Paulo em jogadas pelos lados e cobranças de escanteio. Aos 30 minutos, o time cruzmaltino aproveitou falha da defesa e deixou tudo igual com Vegetti após contra-ataque veloz.

O empate parecia ter caído como um banho de água fria para os donos da casa, que não jogavam bem. Porém, a equipe santista voltou à frente do placar aos 45, com o venezuelano Tomás Rincón, após jogada ensaiada de escanteio. Na saída de bola, a defesa vascaína cochilou e Jean Lucas tocou para Marcos Leonardo ampliar para 3 a 1 ainda na primeira parte da partida. Precisando do resultado, o Vasco voltou para o segundo tempo com o astro francês Payet e com o atacante Sebastíán Ferreira no lugar do volante Zé Gabriel. As alterações, que tinham o objetivo de deixar o time carioca mais ofensivo, deixou a marcação frouxa e o Santos encontrou espaços. Aos 4, Soteldo fez linda jogada na direita e cruzou para Marcos Leonardo mandar para o fundo das redes, mas o VAR assinalou impedimento.

Soteldo, que não fazia boa partida, voltou a aparecer quando pisou com os dois pés na bola para fazer uma “graça” e recebeu um tranco de Sebastián Ferreira. O lance deu início a uma briga generalizada entre os jogadores de ambas as equipes, incluindo os reservas. A partida ficou paralisada por quase oito minutos e a confusão terminou com o árbitro Anderson Daronco expulsando Lucas Lima e Rodrigo Fernández, que estava no banco, pelo lado do Santos, e Medel, pela equipe cruzmaltina. O Santos se armou para explorar o contra-ataque após as expulsões, e o Vasco, com muitos jogadores no setor ofensivo, teve dificuldades para encaixar a marcação. Os donos da casa foram premiados pela estratégia aos 29 minutos, quando Soteldo recebeu de Rincón na grande área e encheu o pé para fazer 4 a 1 para os donos da casa, dando números finais à partida.

 

Fonte: UOL

Radialista/Jornalista/Web Designer

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário