Marcelo Castro apoia reforma administrativa do Governo  

Marcelo Castro apoia reforma administrativa do Governo

_Senador do Piauí destacou que a medida pode evitar um colapso nas contas públicas_

Nesta segunda-feira (18), o governador Wellington Dias (PT) entregou sua proposta de reforma administrativa à Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), apontando onde serão os pontos que devem sofrer cortes de gastos. O documento prevê um programa de ajustes para o equilíbrio financeiro e melhorias de investimentos no Piauí entre os anos de 2019 e 2022.

O senador Marcelo Castro (MDB), que também esteve na Alepi, avaliou a proposta como uma medida necessária, destacando que o déficit crescente dos recursos públicos precisa ser controlado.

“São medidas de restrição, de contenção, de racionalização dos gastos, e tudo isso traz uma apreensão. Então cabe a Assembleia Legislativa agir com a maior prudência, com a maior responsabilidade, para que se faça isso [reforma] trazendo o menor trauma possível para que o estado possa ter as suas contas saudáveis e a sua economia funcionando. Se ficar do jeito que está, vai chegar um ponto que não só o Piauí, mas praticamente todos os estados do Brasil entrarão em colapso”, declarou Castro.

As principais propostas do projeto são a redução de 2.300 cargos e a extinção de 19 órgãos estaduais, incluindo duas secretarias e 11 coordenadorias. Com os cortes, a previsão é de que haja uma economia de R$ 400 milhões em 2019.

Fonte: ASCOM

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário