Governador inaugura escolas em Parnaíba e Luís Correia e visita obras da Escola do Mar

No total, o Governo do Piauí, por meio da Secretaria de Estado de Educação, está investindo mais de R$ 10 milhões nas três unidades de ensino.

O governador Rafael Fonteles inaugurou, nesta quinta-feira (14), as obras de ampliação e modernização de duas escolas em Parnaíba e Luís Correia. Na agenda, juntamente com o secretário de Estado da Educação, Washington Bandeira, o governador também visitou as obras da Escola do Mar, que vai funcionar na Unidade Escolar Augusto Veloso, em Luís Correia. As obras fazem parte do processo de melhoria da educação estadual.

No total, o Governo do Piauí, por meio da Secretaria de Estado de Educação, está investindo mais de R$ 10 milhões nas três unidades de ensino. “Todo esse investimento demonstra o claro compromisso dessa gestão com a educação e a formação dos nossos jovens. Estamos entregando mais duas escolas de tempo integral e as obras da Escola do Mar estão bem adiantadas. Estamos melhorando a nossa educação básica e, também, a profissional, de olho nas oportunidades criadas pelo complexo do Porto Piauí”, disse o governador.

escola chagas rodrigues.jpg

Ceti Chagas Rodrigues

Ao entregar a Unidade Escolar Senador Chagas Rodrigues, o governador relata que essa obra era uma dívida que o Governo do Estado tinha com Parnaíba. “Estive aqui em junho e garantimos a conclusão ainda este ano e agora e aqui está uma linda obra para a comunidade escolar. Estamos felizes, mas falta a quadra e eu vou autorizar ainda hoje a licitação para ela ficar completa no padrão de qualidade que estamos colocando em todo o Piauí”, disse Rafael Fonteles.

De acordo com o secretário Washington Bandeira, a Unidade Escolar Senador Chagas Rodrigues era uma obra esperada há muitos anos pela comunidade de Parnaíba “Ela foi demolida e construída uma nova escola de tempo integral, com investimento de mais de R$ 5 milhões”.

escola chagas rodrigues10.jpg

Segundo o secretário, a unidade conta com parte administrativa, almoxarifado e banheiros, parte pedagógica com seis salas de aula, biblioteca, laboratório de ciências e informática, cozinha, refeitórios, auditório, banheiros amplos com duas unidades para PNE, área de vivência com proposta para mesas de jogos e área de descanso e sala de armários para os alunos e, ainda, projeção para construção de uma Quadra Poliesportivo coberta com vestiários amplos, incluindo um PNE, depósito e bebedouros.

escola zulmira6.jpg

Ceti Zulmira Xavier

O Ceti Zulmira Xavier é mais uma escola de tempo integral da rede estadual de Educação. “É mais uma entrega que faz parte do processo de universalização das escolas de tempo integral”, explica o secretário da Educação, Washigton Bandeira, enfatizando que o Ceti Zulmira Xavier atende ainda os alunos da Unidade Escolar Ricardo Augusto Veloso e da Universidade Aberta do Brasil (UAB).

O secretário destaca ainda que foram investidos mais de R$ 3 milhões na reforma dessa unidade escolar, que inclui ampliação, modernização e climatização. “A partir do próximo ano, o Ceti Zulmira Xavier receberá os novos cursos do Seduc Tec, integrando o ensino profissional ao ensino de tempo integral, teremos os cursos de turismo, energias renováveis, programação, desenvolvimento de sistemas, contemplando as cadeias produtivas, as potencialidades da região e no caso da programação, a tecnologia da informação”, diz Bandeira.

escola zulmira10.jpg

O Ceti conta com biblioteca, quadra poliesportiva, cozinha, refeitório, dois laboratórios de informática, laboratório de ciências, sala de mediação tecnológica, auditório, salas modernizadas, parte administrativa, sala de coordenação, secretaria da UAB, 12 salas de aula, sala de tutoria, áreas coletivas com cozinha e refeitório, ginásio poliesportivo com vestiários amplos, incluindo PNE e banheiros PCDs.

escola zulmira12.jpg

Governador visita obras da Escola do Mar

Na visita à Escola do Mar, Rafael Fonteles explicou  que a escola é tradicional no município, que está sendo reformada, ampliada e modernizada, com investimento no valor R$ 2.273.482,29, oriundos do Tesouro Estadual. A previsão é de que a obra seja concluída em abril de 2024.

“Além do ensino de tempo integral, nosso foco é torná-la uma escola com formação técnica voltada para as profissões relacionadas à cadeia da pesca para que haja uma qualificação da mão de obra a ser aproveitada com a abertura de novas vagas de emprego que surgirão com o Porto Piauí”, disse o governador, destacando a inauguração da primeira etapa do Porto Piauí, que foi realizada a quarta-feira (13), e do Terminal Pesqueiro que será o primeiro a ser construído.

escola do mar4.jpg

“O terminal pesqueiro será o primeiro do Porto Piauí e, ao lado do cais pesqueiro, teremos a indústria de conservas. Portanto é muito importante qualificarmos a mão de obra de jovens e de adultos que já trabalham nessa cadeia da pesca para que o nosso povo aproveite essas oportunidades de trabalho, emprego e renda”, destacou o governador.  Ele ainda citou a cooperação com Portugal, como resultado de viagem que fez ao país, onde visitou uma escola técnica de nível médio e técnico voltado para as profissões da cadeia do pescado.

A Escola do Mar contará com laboratórios que simulam as práticas náuticas, a navegação e o processamento do pescado. E de acordo com o secretário da Educação, Washington Bandeira, os dois primeiros cursos oferecidos pela Escola do Mar serão de Técnico em Portos e Técnico em Pesca.

escola do mar2.jpg

“Serão cursos voltados para as atividades da pesca, processamento de pescados e transporte aquaviário. A Escola do Mar terá laboratório de microbiologia, laboratório de processamento de pescados, simulador de condução de embarcações de navegação, oficina de embarcações, laboratório de informática, ou seja, toda uma estrutura de uma escola de referência para subsidiar todas as áreas e atividades que serão fomentadas pelo Porto Piauí”, ressaltou Bandeira.

Fonte: pi.gov.br

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário