Estado aumenta número de leitos clínicos e de UTI em Parnaíba e 91 pessoas morrem por COVID – 19 no Piauí

Hospital Estadual Dirceu Arcoverde dispõe hoje de 49 leitos clínicos e 18 de UTI, com possibilidade de ampliação.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) realizou uma análise dos dados de Parnaíba e foi verificado que, dos 49 leitos do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), disponível para tratamento da Covid-19, 16 estão ocupados. Isso corresponde a 32% de ocupação dos leitos clínicos. Ao analisar a ocupação dos leitos de Terapia Intensiva (UTI), de 18 leitos disponíveis para o tratamento da Covid-19, 10 estão ocupados, correspondendo a 55% de ocupação na UTI do Heda para tratamento da Covid-19.
Segundo o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, “esses 49 leitos só estão disponíveis em razão de termos transferido para a Maternidade Marques Bastos, o serviço de maternidade que funcionava dentro do Hospital Dirceu Arcoverde, abrindo, assim, a possibilidade da ampliação do tratamento da Covid-19 no Heda”.
Os leitos de UTI que estão disponíveis no Dirceu Arcoverde, todos foram implantados após o início da pandemia. “Tínhamos 10 leitos para tratamento de adultos na UTI de Parnaíba e já implantamos mais 18 leitos só para o tratamento da Covid-19, dada a preocupação com a segunda maior cidade do estado, o segundo maior conglomerado populacional que nós temos no estado do Piauí’, destaca Florentino.
Também será reinaugurada, na próxima semana, a Promédica que estava fechada há mais de cinco anos, e que está passando por uma reestruturação e aquisição de novos equipamentos. Dessa forma, além dos 49 leitos clínicos disponíveis para o tratamento da Covid-19, serão agregados mais 60 leitos, ficando, assim, com 109 leitos clínicos para o tratamento da Covid-19 e 20 leitos de UTI no Hospital Dirceu Arcoverde, aumentando de 18 para 20, as unidades de terapia intensiva.
“Temos ainda a pretensão de ir a um número acima de 20, no entanto, está na dependência do recebimento de respiradores que estamos comprando. Temos respiradores que iremos receber em razão de uma compra que fizemos e a Justiça nos deu ganho de causa; temos outro grupo de respiradores que iremos receber de uma compra na Turquia; e outra de uma negociação com a China. Dessa forma, recebendo os respiradores, nós aumentaremos o número de leitos de UTI em Parnaíba, além dos 20 que foram inicialmente programados”, conclui Florentino Neto.

O Piauí chega a 2852 casos e 91 mortos por Covid-19 nesta quarta-feira, 20.

Os números foram atualizados pela Secretaria de Estado da Saúde do Estado. Foram 4 óbitos a mais e 215 novos casos confirmados.

Entre os pacientes que não resistiram aos sintomas da doença estão quatro pessoas do sexo masculino, sendo três deles de Teresina. O mais velho, de 82 anos e o mais jovem, de 46 anos, além de outro homem de 67 anos.  A quarta vítima, também de 67 anos, era de São Julião. Todos possuíam doenças pré-existentes.

Dos novos casos divulgados no boletim de hoje, são 117 mulheres e 98 homens, com idades que variam de 10 anos a 94 anos.

Buriti dos Montes, Joaquim Pires, Padre Marcos, Parnaguá, Pedro Laurentino, Santa Cruz do Piauí e Santo Antônio de Lisboa entraram na lista de municípios com os primeiros casos confirmados do novo coronavírus. Agora, são 127 cidades que possuem casos registrados.

As cidades de Capitão de Campos e Nova Santa Rita, que apareciam com casos confirmados, saem da lista por inconsistência nos dados de notificação dos pacientes. Os dados contidos no boletim são consolidados com resultados de exames realizados no Lacen e notificações recebidas dos municípios.

Os resultados dos testes rápidos são alimentados pelas secretarias municipais de saúde no e-Sus e no Registro de Testes Rápidos. Já resultados dos exames de PCR são divulgados através do Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL), que é alimentado pelo Lacen – Laboratório Central do Piauí.

Fonte: SESAPI

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário