Deputados lamentam falecimento de Luís Edwiges e de Nego Bispo

Eles foram lideranças dos movimentos de trabalhadores rurais do Piauí

O Plenário da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovou, na sessão desta segunda-feira (5), voto de pesar pelo falecimento de Luís Edwiges. Ele foi uma das lideranças históricas dos movimentos de trabalhadores rurais do estado. A morte de Nêgo Bispo, que, além de  militante pelos direitos dos camponeses, lutou em defesa das causas das comunidades tradicionais, também foi lamentada na sessão.

A deputada Elisângela Moura subiu à tribuna para destacar a vida de Nêgo Bispo. “Era um grande pensador e historiador. Ultimamente, estava fazendo várias palestras em universidades no Piauí e por todo o Brasil. Ele nos deixou um grande legado por sua atuação nas comunidades tradicionais, como um quilombola assumido”, falou a deputada. Ela lembrou da atuação de Nêgo Bispo no Sindicato de Trabalhadores Rurais de Francinópolis. Este teve tanto destaque que ele assumiu postos de direção estaduais com enfoque na reforma agrária.

A parlamentar ainda elogiou a militância histórica de Luís Edwiges. “Prestou um grande trabalho ao nosso Estado deixando um grande legado, principalmente, na mobilização e na organização das Ligas Camponesas e de várias associações de lavradores”, reverenciou Elisângela Moura.

A deputada foi subscritora do voto de pesar pelo falecimento de Luís Edwiges junto ao presidente da Alepi, Franzé Silva (PT). A matéria foi apresentada pelo deputado Dr. Hélio (MDB).

WILSON BRANDÃO – O deputado Wilson Brandão (Progressistas) falou na sessão plenária que está feliz e motivado no seu retorno à Alepi depois de licença médica. Já nesta segunda-feira, ele apresentou requerimento reiterando ao DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas) o pedido de correção de vazamento no Açude Joana, em Pedro II.

É o terceiro documento apresentado pelo parlamentar sobre o tema apenas neste ano e os outros dois não tiveram resposta. A preocupação do deputado é que o fenômeno El Niño reduza as precipitações no próximo inverno e o abastecimento da cidade seja, novamente, comprometido.

Fonte: al.pi.leg.br

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário