CTR-Altos debate com órgãos o encerramento de lixões no Piauí

A Central de Tratamento de Resíduos (CRT-Altos), recebeu a visita de representantes do Ministério Público do Piauí (MPPI), Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar), nessa terça-feira.

Os representantes foram recebidos pelo gerente regional da Revita Engenharia, Alexandre Flores, que apresentou a estrutura do aterro que tem capacidade para receber até 800 toneladas de resíduos por dia e atender até 43 municípios.

“Foi um encontro de grande importância, pois discutimos sobre o encerramento dos lixões dos municípios da região do meio norte do Piauí. São quarenta e um municípios e onze destes realizaram a destinação diretamente no aterro. Mostramos o nosso plano de negócios com 7 transbordos, para atender núcleos de 3 a 6 municípios. Assim os resíduos serão levados para os transbordos e enviados aos aterros, para que os gestores tenham uma economia no serviço de transporte dos resíduos”, detalhou Alexandre.

Participaram da visita os promotores de Justiça Áurea Madruga, coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente (Caoma/MPPI), Maurício Gomes, da 2ª Promotoria de Justiça de Altos, o diretor de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano do TCE, Bruno Cavalcanti, e os auditores de controle externo Verônica Lopes, Carlos Batista e Francisco Neto, e a auditora fiscal ambiental da Semar, Catharina Cortez.

 

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário