Câmara de Teresina realiza audiência pública sobre Lei do Silêncio

O debate sobre a Lei do Silêncio na Câmara Municipal de Teresina foi nesta sexta-feira (15). A ideia é mudar o texto da Lei criada em 2006 para que a altura limite do som, que atualmente é de 50 decibéis passe para 150 decibéis, explica o autor da proposta da audiência, vereador Capital Roberval Queiroz (UB).
Com um medidor de som nas mãos, o presidente da Associação dos Músicos do Piauí, Kassio Bruno, destacou a preocupação dele com as festas em espaços abertos.

A Ordem dos Advogados do Brasil/ Piauí participou da audiência pública sobre a Lei do Silêncio, por meio da Comissão de Cultura e Eventos. Segundo o presidente Ulisses Neto, a ideia é chegar ao entendimento para que a lei beneficie todos os O delegado da Polícia Civil Thales Gomes representou a Secretaria de Segurança na audiência pública na Câmara. O delegado disse que a intenção não é prejudicar nenhum setor comercial, mas que existe o crime de perturbação do sossego alheio e de poluição sonora. Mesmo se a Lei for mudada a polícia vai continuar atuando, diz Thales Gomes.

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário